logo wagner advogados
Há mais de 30 anos defendendo exclusivamente os trabalhadores | OAB/RS 1419
Presente em 12 estados.

Verba honorária em execução não embargada. Redução.

Home / Informativos / Jurídico /

04 de outubro, 2002

Trata-se de agravo de instrumento interposto pelo INSS, com pedido de efeito suspensivo, contra decisão que, em execução de sentença, fixou a verba honorária em 10% sobre o valor da execução. A Autarquia sustenta que não são devidos honorários advocatícios em execuções de sentença não embargadas. A 5ª Turma, por maioria, deu parcial provimento ao agravo ao entender que são devidos os honorários, mas devendo a verba ser fixada em 5% do valor da execução. Ficou vencido o Des. Federal Antônio Albino Ramos de Oliveira, que negava provimento ao agravo, entendendo que a redução não é cabível por falta de pedido da agravante. Participou do julgamento a Des. Federal Virgínia Scheibe. Precedente: STJ: EDREsp 202.083/RS, DJ 30.10.00. TRF da 4ªR., 5ªT., AI nº 2001.04.01.070909-9/RS, Rel.: Dês. Fed. Paulo Afonso Brum Vaz, Sessão 22.11.2001, Inf. 101.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

hostinger