logo wagner advogados
Há mais de 30 anos defendendo exclusivamente os trabalhadores | OAB/RS 1419
Presente em 22 estados.

TJAP julga embargos de declaração no IRDR dos 2,84%

Home / Informativos / Wagner Destaques /

17 de outubro, 2018 por Luiz Antonio

Decisão favorável aos servidores fará com processos voltem a ter andamento normalizado.

No dia de hoje, 17 de outubro, o TJAP julgou improcedentes os embargos de declaração interpostos pelo Estado do Amapá no processo do IRDR do reajuste de 2,84%.

Com a decisão deverão voltar a tramitar imediatamente todas as execuções já ajuizadas, o que viabilizará o pagamento a inúmeros servidores.

O escritório Wagner Advogados Associados distribuiu memoriais para os julgadores e acompanhou o julgamento.

O advogado José Luís Wagner, que foi a Macapá especialmente para participar do mesmo, entende que agora a questão está solucionada e que nos próximos meses deverá começar a expedição das requisições de pagamento respectivas.

A velocidade de tal expedição dependerá da agilidade que o Judiciário do Amapá conseguir implementar.

O advogado afirma que o escritório atuará no sentido de acelerar ao máximo este procedimento.

Fonte: Wagner Advogados Associados.

Novo App - Wagner Advogados