logo wagner advogados
Há mais de 30 anos defendendo exclusivamente os trabalhadores | OAB/RS 1419
Presente em 15 estados.

SERVIDOR. GOV: SERVIDORES TERÃO DE FAZER EXAME MÉDICO REGULARMENTE

Home / Informativos / Leis e Notícias /

23 de março, 2009 por Poliana Nunes

Belo Horizonte, 20/3/2009 – A partir deste ano, todos os servidores federais terão de fazer exames de saúde periódicos. A medida  que só era exigida para a iniciativa privada, agora passa a ser adotada também no setor público a partir da aprovação da Lei 11.907/09.
A informação foi dada pelo coordenador-geral de Seguridade Social da Secretaria de Recursos Humanos (SRH/MP), Sérgio Carneiro, em Belo Horizonte, ao falar na etapa Sudeste 1 da Conferencia Nacional de Recursos Humanos.
Os recursos necessários para a implementação dos procedimentos já foram disponibilizados pela Secretaria de Orçamento Federal do Ministério do Planejamento. Falta apenas a publicação do decreto de regulamentação, cuja minuta foi enviada pela SRH para a Casa Civil da Presidência da República para publicação.
“O Governo Federal, como empregador, também deve cumprir a legislação de saúde e segurança que exige da iniciativa privada”, considerou Sérgio Carneiro, ao falar da Política de Atenção à Saúde do Servidor, na Universidade Federal de Minas Gerais, onde estão reunidos cerca de 200 servidores, líderes sindicais e representantes da sociedade civil dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo para discutir a política federal de RH. As conclusões das seis etapas regionais serão consolidadas em ações durante a Conferência Nacional de Recursos Humanos, em julho, em Brasília.
O decreto do Presidente Lula deverá instituir o Subsistema de Atenção à Saúde do Servidor – SIASS, onde a realização de exames médicos periódicos pelos servidores é uma das ações estratégicas previstas na área de Promoção e Vigilância à Saúde. Abrange, também, mudanças na organização e no ambiente de trabalho, e ações de prevenção de acidentes e de doenças ocupacionais. O SIASS é um programa amplo e se baseia num tripé que conta também com ações nas áreas de Perícia Médica e de Assistência à Saúde Suplementar.”Mas talvez o nosso principal desafio na implantação do programa seja envolver o servidor, motivar sua participação”, declarou Sérgio Carneiro, lembrando que, com a publicação do decreto, todos os órgãos serão obrigados a oferecer o exame a seus servidores. Ele permitirá, por exemplo, detectar precocemente doenças relacionadas ao trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

App - Wagner Advogados