logo wagner advogados
Há mais de 30 anos defendendo exclusivamente os trabalhadores | OAB/RS 1419
Presente em 15 estados.

Professores de universidades em greve se reúnem com MEC

Home / Informativos / Leis e Notícias /

23 de junho, 2015 por Poliana Nunes

Os professores de universidades federais em greve se reúnem hoje (23) com o Ministério da Educação. O encontro será entre o sindicato da categoria e a Secretaria de Educação Superior.

 

A paralisação dos docentes já dura 27 dias. Ontem, as Universidades de Santa Catarina e do Rio de Janeiro aderiram à paralisação.

 

O presidente da Andes, o Sindicato Nacional dos Docentes de Instituições de Ensino Superior, Paulo Rizzo conta as principais reivindicações.

 

"O primeiro ponto é carreira e salário. O segundo são condições de trabalho, que se traduzem em verbas para universidades, para que sejam retomados os investimentos nas universidades e sejam garantidos concursos públicos para reposição dos quadros".

 

Ainda de acordo Paulo Rizzo, os professores reclamam do corte no orçamento para educação.

 

"O MEC já promoveu dois cortes este ano. No início do ano, janeiro, fevereiro, março, foram cortados cerca de R$ 2,5 bilhões das universidades. E recentemente, com o anúncio do ajuste fiscal, estão sendo retirados R$ 9,4 bilhões do orçamento do Ministério da Educação, o que já está afetando vários programas".

 

Até o momento cerca de 35 instituições federais em todo o país estão com as atividades suspensas.

 

O Ministério da Educação informou que só vai se pronunciar após o encontro de hoje.

 

Fonte: Agência Brasil

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

App - Wagner Advogados