logo wagner advogados
Há mais de 30 anos defendendo exclusivamente os trabalhadores | OAB/RS 1419
Presente em 15 estados.

GAZETA MERCANTIL: REAJUSTE PODE CHEGAR A 45%

Home / Informativos / Leis e Notícias /

04 de novembro, 2008 por Poliana Nunes

A oposição quer surpreender os governistas hoje e colocar em votação a medida provisória 440/08, que concede um reajuste salarial para 91.308 servidores civis da Receita Federal, fiscais do Trabalho e diplomatas. Os aumentos chegam a 45% e terão um custo de R$ 20,4 bilhões aos cofres públicos nos próximos três anos. A estratégia dos oposicionistas é desgastar a base aliada, diante dos apelos da equipe econômica para que o Congresso evite aumentar gastos da máquina pública.

O governo admite que quer adiar a votação da proposta. Segundo o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), terão prioridade as medidas provisórias, como a que adia de 1º de outubro de 2008 para 1º de janeiro de 2009 o início da vigência de incentivos tributários para o setor das chamadas bebidas frias (cerveja, refrigerante e água); e uma outra que autoriza a União a conceder crédito ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) de até R$ 15 bilhões.

“O governo quem editou essa medida. Se agora achar que não poderá cumprir com o que prometeu, que retire o projeto ou peça para sua base votar contra”, dispara o líder do DEM no Senado, José Agripino Maia. A indicação de Arthur Badin para a presidência do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) também deve ser analisada por ter acordo entre governo e oposição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

App - Wagner Advogados